Partido

Operários, Caros Camaradas e Amigos: Ajudem o Partido!


Arnaldo Matos

 Façam o obséquio de remeter para a conta bancária acima indicada, na Caixa Geral de Depósitos, todos os donativos que puderem. Os vossos donativos podem também ser entregues, contra recibo, a qualquer militante do PCTP/MRPP, que o saberá fazer chegar ao Departamento de Finanças do Comité Central.

 A decisão do Comité Central no sentido de concorrer aos três
sufrágios eleitorais que se realizarão no próximo ano de 2019– eleições regionais da Madeira, e eleições nacionais para o Parlamento Europeu e para a Assembleia da República – provocou uma imediata reacção de pânico do grupelho antipartido e antimarxista primário encabeçado pelo oportunista Garcia Pereira.

 Escrevendo sob pseudónimo, como só a cobardia lho consente, o Garcia ataca a decisão do Comité Central do Partido, interrogando possesso:

• “Como vai participar em três actos eleitorais com o Partido falido?”
• “Como vai o Partido pagar a sua dívida, incluindo os outdoors”?
• “ Alguém acha que o Partido vai dar donativos para estas loucuras?”
• “ Quem vai assumir as dívidas e multas?” 

 As perguntas do provocador Garcia que ficam transcritas deixo-as como desafio à classe operária e ao povo português, bem como aos meus camaradas leitores e amigos. Só com os vossos generosos, empenhados e militantes donativos poderemos concorrer aos referidos três sufrágios e cumprir as tarefas eleitorais que o movimento político nos impõe.

 O nosso Partido não tem dinheiro, mas não está falido. Desde que tomou posse, o actual Departamento de Finanças custeou com o vosso dinheiro, subsídios e donativos, a participação nas eleições regionais dos Açores, no I Congresso Regional dos Comunistas Açorianos e nas eleições autárquicas de 2017.

 As dívidas que tem são única e exclusivamente as dívidas que deixou o grupelho anticomunista primário de Garcia Pereira, e que estamos a pagar.

 Todas as dívidas do Partido estão a ser pagas, e as dívidas foram todas herdadas da direcção de Garcia Pereira.

 Participar nos três actos eleitorais de 2019 não é uma loucura, mas uma necessidade política imposta pela classe operária ao seu partido marxista comunista proletário. Pretendemos aproveitar as eleições da burguesia para promover a divulgação do programa comunista do nosso Partido e da classe operária e eleger uma voz proletária comunista no parlamento nacional e regional.

 Quanto a dívidas, o Partido não tem nenhumas outras, senão as dívidas do grupelho de Garcia Pereira. E, quanto a multas, estamos a pagar as multas provenientes da errónea gestão de Domingos Bulhão.

 Durante a gestão do actual Departamento de Finanças do Comité Central, não foi aplicada nenhuma multa ao Partido. 

Camaradas, 

 Remetam para a conta bancária acima indicada todos os donativos que puderem. Espero que assumam a defesa do Partido contra os provocadores como Garcia Pereira, e mostrem que não é uma loucura, mas uma política corajosa e sábia participar nos três sufrágios eleitorais de 2019.

 17MAI18

Partilhar
Está em... Home Partido Operários, Caros Camaradas e Amigos: Ajudem o Partido!